30/11/2012 14:42

Após incêndio, comitês de Brasil e EUA oferecem ajuda a atletas do Fla

Clube promove abraço ao local destruído. Vice jurídico afirma que está descartada pane elétrica, mas que é cedo para dizer se houve crime

Após incêndio, comitês de Brasil e EUA oferecem ajuda a atletas do Fla

Um dia depois do incêndio que destruiu parte do Ginásio Cláudio Coutinho, na sede do Flamengo, na Gávea, a reportagem do GLOBOESPORTE.COM teve acesso ao local para constatar o estrago. O cenário só não era de completa tragédia porque ninguém ficou ferido no incidente, que podia ser avistado a quilômetros de distância, por causa da altura da fumaça. Nesta durante um abraço ao ginásio, a presidente Patricia Amorim chegou a chorar ao falar com os associados. A dirigente pediu trabalho extra para superar a adversidade.

O clube também vai receber ajuda de longe para a reconstrução. O Comitê Olímpico dos Estados Unidos, com quem o Rubro-Negro tem parceria, manifestou solideriedade e acenou com a possibilidade de levar os atletas de ponta do Flamengo para treinar em território americano. Para os atletas de menor prestígio no cenário nacional, o Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que enviou representante à Gávea nesta manhã, sinalizou que deverá ceder novos equipamentos e disponibilizar o centro de treinamento da ginástica artística no velódromo.

Na quinta-feira, o clube entregou na 14ª DP (Leblon) imagens do circuito interno de segurança que mostram um homem de mochila se abaixando perto do local onde se iniciou o incêndio, pouco antes do incidente. O advogado do clube que levou as imagens à delegacia, Marco Aurélio Assef, chegou a dizer que as imagens levavam à suspeita de que o incêndio poderia ser criminoso. Já o vice jurídico Rafael de Piro preferiu colocar um freio nas especulações e afirmou que ainda é cedo para precisar a causa do incêndio. Na manhã desta sexta-feira, peritos da Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros e da seguradora do clube estiveram no local.

- As imagens foram requisitadas, e neste momento a gente aguarda a conclusão das investigações, a conclusão da perícia. Antes disso é prematuro falar qualquer coisa. Por enquanto, a meu ver, não há elementos para afirmar que o incêndio foi criminoso.O sujeito que passa atrás do ginásio, pelo que se vê da câmera, que está longe, ele apenas se abaixa, passa e segue. Daí a afirmar que foi criminoso, me parece um pouco prematuro. O procedimento agora é aguardar a perícia da seguradora e a conclusão da investigação - disse De Piro.

Depois de conversar com os peritos, o vice jurídico já descartou uma das possíveis causas do incêndio no ginásio.
- Em princípio, está descartada a hipótese de pane elétrica. Vão agora investigar outras possibilidades, mas uma conclusão final mesmo só com os laudos da perícia, que deverão sair em 30 dias.
O vice-presidente do Fla-Gávea, Cacau Cotta, foi um dos primeiros a chegar ao ginásio na quinta-feira e narrou o desespero dos atletas ao verem o lugar no qual "passam mais tempo do que em suas casas" ser consumido pelas labaredas. Ele explicou que o local agora transformado em detritos e sujeira era uma verdadeira piscina de espuma. Ali, o fogo tomou proporções maiores e destruiu até o telhado, cuja reconstrução deve custar R$ 300 mil. O prejuízo total do clube é calculado em R$ 800 mil.

- Eu vi muita criança desesperada, os atletas chorando, é a casa deles isso aqui. Ver sua casa pegar fogo deve ser duro. Foi emocionante ver o empenho dos funcionários. Até funcionários que não eram capacitados tentando ajudar. Aqui era uma piscina de espuma altamente inflamável. Desespero, depois de tanto esforço para reformular a Gávea acontecer isso. Graças a Deus não teve nenhum ferido. O ginásio foi 30% destruído.

Abatida, Patricia Amorim relutava em transitar pela área. Resistiu até que, depois de um abraço ao ginásio feito com os sócios e operários presentes, resolveu discursar para os presentes. Apesar de ter pedido para que fosse evitado tom político, pois era um problema que atingia a todos no clube e não um episódio relacionado à eleição da próxima segunda-feira, Patrícia garantiu que os rumores de que pode desistir da candidatura não têm fundamento e afirmou que não desiste "de jeito nenhum".

- O Flamengo, como a Fênix, ressurge das cinzas. O Flamengo é forte, grande, e não vai ser um evento como esse que vai nos impedir de reagir. A tristeza e a dor eu divido com os atletas da ginástica. Peço a cada um, em nome do Flamengo, que tenha a grandeza de colaborar, um pouco fora do horário, vamos pensar um pouco no que o Flamengo precisa e no que podemos fazer para que ele suba cada vez mais. Colaborar, trabalhar cada vez mais, até que consigamos recuperar o ginásio. Não posso falar mais porque agora temos de trabalhar - disse Patricia, que também se manifestou através de nota oficial (leia a íntegra abaixo).

A presidente agradeceu o apoio que vem recebendo dos comitês brasileiro e americano, prometendo garra para reaver o patrimônio danificado o mais rápido possível. Minutos antes do discurso, ela havia sido avisada dos e-mails recebidos com as ofertas de apoio dos comitês.

- É uma parceria que começou num formato, mas se transforma agora nessa sensibilidade tão importante. Agora é somar esforços, tirar força de onde não tem. Confesso que tem sido muito difícil. Em nome do Flamengo, agradeço demais ao comitê americano, ao brasileiro, aos torcedores, aos associados. Apesar de ser muito difícil e doloroso, desculpe se me faltam as palavras, a garra e a força virão dessa união. Agradeço demais.

O Flamengo aguarda agora os laudos periciais da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros, com previsão de 30 dias para serem divulgados. O registro de ocorrência com as imagens do circuito interno de segurança na 14ª DP deram início a uma investigação para apurar se o incêndio foi criminoso. A Polícia Civil tenta identificar o homem que aparece nas imagens fornecidas pelo clube, mas há dificuldade porque não são nítidas.

Na tarde desta sexta, a presidente Patricia Amorim assinou nota oficial na qual prometeu esforços pela reconstrução do ginásio.
Leia a nota oficial divulgada no site oficial do Flamengo:
Após o lamentável incidente do incêndio no ginásio Claudio Coutinho, ocorrido, na última quinta-feira (29.11), que deixou a elite da ginástica artística brasileira sem local de treinamento, dirijo-me a toda Nação Rubro- Negra para afirmar: Já reerguemos o Flamengo uma vez e vamos reconstruir novamente.

Espero que o incêndio não tenha sido criminoso.

Tenho certeza que nenhum rubro-negro de verdade faria uma agressão como essa ao nosso clube.

Nosso seguro contra incêndio já foi acionado, e o trabalho já começou. Estamos em negociação com o Comitê Olímpico Norte-Americano para que nossos atletas iniciem a próxima temporada junto à seleção americana de ginástica artística. O COB também manifestou apoio e nos ajudará nesse processo.
Agradeço a todas as manifestações e vamos juntos com o Flamengo, pelo Flamengo. O trabalho continua!

Patricia Amorim
Presidente do Clube de Regatas do Flamengo

4587 visitas - Fonte: Globoesporte.com


VEJA TAMBÉM
- ANÁLISE: Flamengo reage às críticas e sai das cordas, mas precisa dar respostas em sequência
- Sousa revela divergência com Diego Alves no Flamengo
- Willian Arão recebe o terceiro cartão amarelo e desfalca o Flamengo na Libertadores

VEJA: Flamengo tem pior início de Brasileirão em oito temporadas e corre risco de entrar no Z4

CONFIRA: Na corda bamba? Flamengo não avalia demissão do técnico Paulo Sousa















Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Brasileiro

Sábado - 16:30 - Maracanã - Premiere
Flamengo
Goiás

Último jogo - Libertadores

Terça - 21:30 - Maracanã
Flamengo
3 0
Univ. Católica