4/2/2017 19:18

Zé Ricardo destaca desempenho do Fla: "Preocupação era o desgaste"

Após goleada por 4 a 0 sobre o Nova Iguaçu, técnico exalta performance da equipe sob forte calor e lembra: "Estamos completando 21, 22 dias de temporada apenas"

Zé Ricardo destaca desempenho do Fla: Preocupação era o desgaste

O técnico Zé Ricardo na partida contra o Nova Iguaçu, em Moça Bonita (Foto: André Durão / GloboEsporte.com)

Depois da goleada sobre o Nova Iguaçu em Moça Bonita, o técnico do Flamengo, Zé Ricardo, destacou o desempenho da equipe mesmo no início de temporada e sob forte calor. Ele explicou que sua maior preocupação para a partida era o desgaste. Para o treinador, foi uma oportunidade de observar outras opções do elenco. Ele elogiou Mancuello, destacou que o argentino ainda está se adaptando à posição, e tranquilizou a torcida em relação às ausências de Rômulo e Diego, poupados.

- O jogo que a gente sabia que teria uma dificuldade pelo calor. Estamos completando 21, 22 dias de temporada apenas, são cinco jogos contando os amistosos, então realmente a preocupação era com o desgaste. Conseguimos uma vantagem boa, a vitória foi merecida.
O desgaste foi justamente o motivo das ausências de Diego e Rômulo, algo que, segundo o técnico, não preocupa:

- A gente tem um elenco bom, é inteligente observarmos o elenco todo. Temos um monitoramento diário dos atletas, alguns apresentaram um desgaste um pouco acima do normal especialmente pelo início de temporada, o Rômulo e o Diego. Estão bem, recuperaram bem, treinaram no CT, mas de uma forma menos intensa do que um jogo. Ficamos em estado de alerta para não correr risco de perder dois jogadores tão importantes para a temporada.

Zé Ricardo falou também da situação de Marcelo Cirino. Quando foi chamado para entrar em campo, a torcida se manifestou de forma negativa, mas ele acabou dando um belo passe de calcanhar na jogada que terminou em pênalti sobre Leandro Damião, e gol de Guerrero, o quarto do Flamengo diante do Nova Iguaçu:

- A gente tenta fazer o máximo possível para que ele possa render. Lógico que ele passou por momentos ruins no final do ano passado, com certeza essas indecisões sobre o futuro dele cria uma dificuldade para se concentrar, a gente tem conversado bastante com ele porque ele bem é muito útil para a equipe, e é isso que digo a ele. Que se tiver vontade de mudar esse quadro, vamos dar todo apoio. E aos poucos a torcida vai lembrar do Marcelo quando chegou, era um jogador importantíssimo. Depende muito mais do próprio Marcelo, mas no que depender de nós, vamos tentar recuperá-lo, sim. Tomara que ele agarre essa oportunidade quando aparecer e a gente possa recuperar o prestígio dele junto à torcida.

Veja a íntegra da entrevista coletiva de Zé Ricardo:

Adaptação de Mancuello


O Mancuello é extremamente inteligente, a leitura do jogo facilita a adaptação à posição, acho que vai ter ainda desafios grandes a ultrapassar, mas estamos satisfeitos com o rendimento dele até agora. Espero que seja tão importante quanto achamos que vai ser.

Posse de bola e base de 2016


Desde 2010 ou 2011 que não começava o Carioca vencendo três partidas. Há treinadores experientes no campeonato, mas fizemos um planejamento para trabalharmos nos jogos com bastante posse de bola, e isso está acontecendo, estamos conseguindo colocar em prática o que a gente treina. Além da facilidade de ter um time que joga junto há sete, oito meses, desde o ano passado. Os reforços foram bem pontuais, reforçaram a parte técnica, e o resultado disso é que estamos conseguindo colocar o time para jogar. Tem muita coisa para evoluir, não estamos no 100%, mas o que a gente apresentou até o momento satisfaz.

Gabriel na função de Diego

Com a ausência do Diego, temos dois jogadores específicos da posição, o Matheus Sávio e o Paquetá, que estão na seleção, e o Mancuello, que eu não queria tirar da posição que está, porque ainda está em adaptação. Então, dentro do que tínhamos disponível, o Gabriel era o que mais se encaixava. Pedi para que tivesse bastante caída pelos lados para tirar o Paulo Henrique do centro do campo, que era o jogador de equilíbrio do Nova Iguaçu. O Gabriel tem quase 200 jogos pelo Flamengo e é importante taticamente.

Observação

Essa é a ideia, uma equipe grande, com ambição, tem de ter um elenco qualificado. E a gente tem de dar jogo a eles, não adianta ter elenco e não usar. Com o Damião vimos uma outra vertente de 4-4-2, um fazendo apoio, outro profundidade, com a velocidade do Cirino pelo lado. Agora é descansar e trabalhar para enfrentar o Grêmio. É uma outra competição, com um adversário bem forte.

Reforço

O Berrío treinou ontem com a gente, hoje treinou com quem ficou no CT. Não está 100% fisicamente. Mas, se estiver com a parte burocrática resolvida, e estiver bem nesses dois treinos, a gente pensa sim em levar para a partida contra o Grêmio.

882 visitas - Fonte: Globo Esporte


Clique aqui para entrar no Grupo do WhatsApp do mengão e receber informações e notícias

LEIA TAMBÉM:Clube do Flamengo acerta bases salariais e avança por Guarín

LEIA TAMBÉM: Com convocações, Flamengo pode perder até 4 jogadores

VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Flamengo da temporada


Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão