19/2/2019 07:43

O que 100 dos gols do Flamengo no Estadual têm em comum?

Com oito "artilheiros" diferentes, o Flamengo castigou os adversários em cinco dos seis jogos da Taça Guanabara: todos gols foram marcados de dentro da área

O que 100 dos gols do Flamengo no Estadual têm em comum?

Jogadores celebram um dos 13 gols marcados pelo Flamengo em 2019 (Foto: Úrsula Nery/FERJ/Divulgação Twitter)

O Flamengo marcou 13 gols na Taça Guanabara, todos em finalizações de dentro da área adversária. O fato traz dois pontos à tona: a equipe de Abel Braga, que ainda não alcançou o nível de futebol esperado pelos reforços, conseguiu criar jogadas e chegar com perigo à meta rival. Por outro lado, a pontaria dos principais "chutadores" do estrelado elenco não está calibrada.



Nas seis partidas que fez no primeiro turno do Estadual, o Flamengo arriscou 23 chutes de fora da área. Acertou apenas três, tendo o pior aproveitamento (13%) entre os quatro grandes clubes: Botafogo acertou 10 (35,7% de aproveitamento), Vasco teve 12 (30.8%) e o Fluminense ficou com 11 (26,2%).
De dentro da área, o desempenho rubro-negro foi bem superior. 35 chutes certos de 72 (é de longe quem mais arriscou), com um aproveitamento de 48,6%. Os grandes rivais tiveram os respectivos aproveitamentos: Fluminense (28 de 52 / 53,9%), Botafogo 14 de 29, (48,3%) e Vasco (23 de 52, 44,2%).



FLAMENGO 2X1 BANGU

Um dos gols na estreia do Flamengo no Estadual saiu do pé direito de Diego, em cobrança de pênalti do camisa 10. O próprio meia teve outra chance na marca do cal, mas não cobrou bem e o goleiro Jefferson Aquino defendeu.

Antes da segunda penalidade, o Rubro-Negro usou a cabeça para virar a partida - Anderson Lessa marcou para o Bangu aos dois minutos de jogo. Everton Ribeiro cobrou escanteio e Rhodolfo subiu alto e fez de cabeça: 2 a 1.

RESENDE 1X1 FLAMENGO

Pela esquerda, Trauco fez boa tabela com Arrascaeta e cruzou na medida para o centroavante Henrique Dourado. O camisa 19 emendou de bicicleta e, de pé esquerdo, acertou o ângulo do gol do Resende: uma pintura em Volta Redonda.

O Flamengo havia saído atrás do placar, assim como na primeira rodada da fase de grupos da Taça Guanabara, em gol de Joseph, aos 18 da etapa inicial.

BOTAFOGO 1X2 FLAMENGO

Contra o Botafogo, o Flamengo outra vez saiu atrás, com João Paulo marcando no primeiro tempo para o mandante no Nilton Santos. Contudo, a estreia do atacante Bruno Henrique, que entrou após o intervalo, não poderia ser melhor.

Primeiro, o camisa 27 desviou escanteio cobrado por Everton Ribeiro na primeira trave e, de cabeça, fez 1 a 1. Depois, após bate-rebate dentro da área, a bola se ofereceu ao atacante, que, de pé direito, garantiu a vitória no clássico.

FLAMENGO 3X1 BOAVISTA

O primeiro gol de Henrique Dourado saiu após boa trama entre Rodinei e Vitinho, que acertou uma bomba no travessão. No rebote, o Ceifador limpou a marcação e, com o pé esquerdo, abriu o placar no Maracanã. Após o empate, coube a Trauco, mais uma vez, dar uma de garçom e servir Uribe, que, com um único toque de pé direito, já na pequena área, deixou a equipe em vantagem.

Por fim, Rodrigo Caio marcou seu primeiro gol com a camisa do Flamengo, de cabeça, desviando cobrança de escanteio feita pelo meia Everton Ribeiro.

FLAMENGO 4X0 CABOFRIENSE

Contra a Cabofriense, foi Diego quem cobrou escanteio e, logo no começo do jogo, Willian Arão fez de cabeça 1 a 0. Na sequência, o meia foi quem serviu o camisa 10, que, de dentro da pequena área, marcou mais um gol de bicicleta em 2019.



Depois, com espaços para contra-atacar, o Flamengo chegou à área adversária para marcar o terceiro e quarto gols. Bruno Henrique avançou pela direita e deu assistência para Arrascaeta. O uruguaio precisou de apenas um toque, de pé direito, para marcar seu primeiro gol no clube. Depois, foi Gabigol quem serviu Bruno Henrique, que, também de dentro da área, marcou de pé direito.

FLAMENGO 0X1 FLUMINENSE

O clássico, pela semifinal do turno, foi o primeiro jogo da temporada em que o ataque rubro-negro passou em branco. A atuação no Maracanã foi ruim, com o rival tendo 61,5% da posse de bola, as melhores chances e o controle do jogo. Foram apenas oito finalizações da equipe rubro-negra na semifinal de turno.

786 visitas - Fonte: LANCE!Net


Clique aqui para entrar no Grupo do WhatsApp do mengão e receber informações e notícias

Leia também: [ENQUETE] Ronaldo está substituindo bem a Cuellar?

E MAIS: Flamengo trabalha por anúncio de patrocínio máster





Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Carioca

Domingo - 16:00 - Maracanã - Premiere
Flamengo
Fluminense

Último jogo - Carioca

Terça - 20:30 - Maracanã
Madureira
0 2
Flamengo