14/4/2019 18:45

Veja a ficha técnica de Vasco x Flamengo

Veja a ficha técnica de Vasco x Flamengo

Coube a Bruno Henrique colocar o Flamengo bem perto da conquista do Campeonato Carioca. Em tarde iluminada, o atacante estufou a rede três vezes para valer os dois gols do triunfo por 2 a 0 do Rubro-Negro, que soube envolver o Vasco neste domingo, no primeiro jogo da decisão do Campeonato Carioca, no Estádio Nilton Santos com baixo público.



Com o triunfo, a equipe de Abel Braga tem a vantagem de se sagrar campeã até se perder por um gol de diferença no Maracanã, no próximo domingo. O Cruz-Maltino precisa vencer por dois gols para forçar uma decisão por pênaltis. Já triunfos por três gols ou mais levam a conquista para São Januário.

Início em alta voltagem
A decisão do Carioca teve um começo de tirar o fôlego. Logo a um minuto, Everton Ribeiro encontrou uma brecha na esquerda e tocou para Bruno Henrique, mas o atacante se atrapalhou. Já o Vasco reagiu quando Bruno César encontrou Yago Pikachu, mas o camisa 22 bateu por cima.

No limite
Aos 12 minutos, o Cruz-Maltino lidou com uma dose de tensão. Ao repor uma bola, Fernando Miguel caiu com dores na panturrilha direita e seguiu no jogo no sacrifício, inclusive recebendo bolas recuadas de um time lento ao tentar contra-ataques. Àquela altura, o Flamengo era mais envolvente, mas pecava na pontaria. Gabigol finalizou duas vezes para fora. Willian Arão concluiu rente à trave. Só aos 50 minutos, quando Everton Ribeiro encheu o pé de fora da área, o goleiro vascaíno entrou em cena, para salvar a chance. Enquanto isto, a equipe de Alberto Valentim, que tinha em Marrony sua válvula de escape mais perigosa, teve nova oportunidade com Maxi López, mas Léo Duarte antecipou-se para cortar.

Bruno Henrique entra em cena
O ritmo voltou ainda mais acelerado do intervalo. Gabigol e Rodrigo Caio cabecearam perto da trave. Danilo Barcelos alçou e a cabeçada de Marrony carimbou o travessão. Mas o Rubro-Negro é que procurava brechas até o gol. De Arrascaeta encontrou Bruno Henrique livre, mas ele parou em defesa de Fernando Miguel. Em seguida, o camisa 27 abriu caminho para a vitória. Após Danilo Barcelos afastar cruzamento de Everton Ribeiro, Bruno Henrique finalizou para a rede.

VAR anula gol do Flamengo
Em desvantagem, o Vasco ensaiou uma reação quando Maxi López finalizou para fora. Contudo, a equipe seguia padecendo para criar jogadas e via o Rubro-Negro manter seu domínio ofensivo. Em tentativa de Renê, Werley desviou e a bola sobrou para Bruno Henrique. O atacante chegou a comemorar, mas o árbitro anulou o gol de maneira polêmica ao rever o lance no VAR (que, curiosamente, não funcionou após os 30 do segundo tempo, pois houve uma pane elétrica na sala em que estava instalado).

LEIA TAMBÉM: Vinicius Jr fala sobre críticas: Saí do maior da América para o maior do mundo, sempre vão torcer contra

Levantou poeira!
Aproveitando as brechas deixadas por um Vasco que se lançava de maneira atabalhoada ao ataque, o Rubro-Negro não demorou a ampliar o marcador. De Arrascaeta passou como quis por Raúl Cáceres e encontrou Bruno Henrique na área. O camisa 27 (que não joga a partida de volta, por ter recebido o terceiro cartão amarelo) honrou sua fama em clássicos e decretou a vitória por 2 a 0. Em jogo no qual soube envolver o Vasco, o Flamengo viu o sonho do Carioca ficar bem mais perto de ser realizado.

FICHA TÉCNICA

VASCO 0x2 FLAMENGO

Data-Hora: 14-04-19 - 16h
Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rodrigo de Nunes Sá (RJ) Nota L!: 5,0 - Tomou decisão polêmica ao anular o gol de Bruno Henrique. Confuso nas marcações.
Assistentes: Silbert Faria Sisquim (RJ) e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha (RJ)
Renda / Público: R$ 521.920,00 / 9.976 pagantes (10.854 presentes)
Cartões amarelos: Lucas Mineiro (VAS), Bruno Henrique (FLA)

Gols: Bruno Henrique, 9/2º T (0-1) e Bruno Henrique, 32 /2º T (0-2)

VASCO: Fernando Miguel; Raúl Cáceres, Werley, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro, Bruno César (Lucas Santos, intervalo), Yago Pikachu e Marrony (Yan Sasse, 22, 2º T); Maxi López (Tiago Reis, 31, 2º T). Técnico: Alberto Valentim

FLAMENGO: Diego Alves; Pará, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Willian Arão, Cuéllar, De Arrascaeta (Lincoln, 46, 2º T), Everton Ribeiro (Diego, 38, 2º T) e Bruno Henrique; Gabigol (Vitinho, 34, 2º T). Técnico: Abel Braga



LEIA TAMBÉM: Vinicius Jr fala sobre críticas: Saí do maior da América para o maior do mundo, sempre vão torcer contra

Flamengo, Bruno Henrique, Ficha técnica

1314 visitas - Fonte: Lance


Clique aqui para entrar no Grupo do WhatsApp do mengão e receber informações e notícias

Leia também: Gabigol diz se pode seguir no Flamengo após o fim do ano: "Se acontecer, vou ficar muito feliz"


E MAIS: Sonho do Flamengo, Filipe Luís recusa oferta do Borussia Dortmund






Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Paulista

Domingo - 16:00 - Maracanã - Globo
Flamengo
Vasco

Último jogo - Carioca

Domingo - 16:00 - Nilton Santos
Vasco
0 2
Flamengo