18/10/2020 08:02

Maratona do Flamengo distorce avaliação sobre Domènec

Maratona do Flamengo distorce avaliação sobre Domènec

Domenec Torrent, técnico do Flamengo, comanda a equipe diante o RB Bragantino, pelo Campeonato Brasileiro (Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF)

Era volta de intervalo do Flamengo e Red Bull Bragantino quando foi noticiado que o técnico Domènec havia tirado o atacante Pedro para entrada de Vitinho. O que se seguiu foi uma série de protestos de torcedores e críticas de jornalistas pela substituição. O empate diante do time paulista ia para conta do treinador que "optou pela saída do artilheiro".



Ignorava-se a realidade: Pedro jogara um jogo inteiro no sábado, outro na terça (com acréscimos até 51min) e voltava a campo na quinta-feira. Os testes feitos pelo Flamengo (bioquímicos e termográficos) indicavam que corria sério risco de uma contusão muscular. O mesmo valia para Gerson e Bruno Henrique que estavam desgastados e entraram no final.


LEIA TAMBÉM: Flamengo terá volta de 2 jogadores ao time titular contra Corinthians


Ora, em condições assim, não se pode julgar a decisão de técnicos sem levar em conta as limitações físicas atestadas pela ciência. Não estamos mais na era do futebol romântico e sem método em que se corria menos, se entendia menos sobre o físico dos atleta. Era tudo feito na base da experimentação e valiam máximas como "deixa ele lá correndo pouco".

A atuação do Flamengo diante do Red Bull foi fraca, diga-se. Mas como cobrar um desempenho intenso, como pede o futebol moderno, de um time que ia para seu quarto jogo em oito dias? Nestas quatro partidas, o time teve três vitórias e um empate.

A maratona imposta pela CBF foi motivada pelo adiamento de um jogo por conta da Libertadores e pode se repetir com outros clubes. A pandemia piorou um cenário de calendário apertado. Pior, a Conmebol, CBF e a Fifa colocaram seus jogos de seleção no meio do Brasileiro desfalcando ainda mais os times.

Além de Pedro, Everton e Isla jogaram na terça-feira pela seleção, e na quinta pelo Flamengo. Por conta da série de jogos, o Flamengo já não tem três dos seus quatro principais jogadores de ataque, todos contundidos, com exceção de Bruno Henrique.

No Palmeiras, Weverton apareceu no gol do time brasileiro em um dia no Lima, e no dia seguinte pelo Palmeiras, em São Paulo. Fora isso, o Atlético-MG não sentiu o desgaste, mas sofreu com desfalques como Allan Franco e Junior Alonso que serviram seleções. Óbvio que a qualidade do Brasileiro foi afetada por essas ausências, o Galo perdeu cinco em nove pontos no período das datas-Fifa.



Em um cenário assim, fica meio complicado a análise fria do trabalho tático de Domènec ou de suas escolhas estratégicas. O Flamengo, na média, tem evoluído em seu jogo coletivo dentro da ideia que o treinador pretende. Mesmo com essa maratona, reduziu a diferença para a liderança e fez 10 pontos em quatro jogos. Mas cobrar futebol brilhante como o de 2019, em meio a circunstâncias atípicas, não faz o mínimo sentido lógico.

Flamengo, Maratona, Distorce, Avaliação, Domènec, Mengão

390 visitas - Fonte: UOL


VEJA: Dome avalia opções para o lugar de Bruno Henrique, veja a provável escalação


CONFIRA: Flamengo pensa na Copa do Brasil e não retorna ao Rio após jogo contra o Inter


Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Gente todos aqui tem q respeitar a opiniao do outro. Se o Flamengo manter uma cknstange assim blz. o q se fala aqui muitas vzs é a escalaçao e mezida q muitas vzs bagunça o time e bagunça feio. .se mantermos assim e so mexer se for o ultimo caso ..bota o reserva da posiçao. Assim se controi um time ....Nao é ser torcedor medilcre. Clamenguista q se presa nao maltrata outro Flamenguista.

Raul Bento     

Conversa fiada NO ANO PASSADO O TIME JOGOU SEMPRE COM O JESUS, a perda de 2 PONTOS FOI POR ERRO DO TECNICO so espero que nao faca mais merda

Emerson Barreto     

Concordo.... entretanto, não podemos deixar de observar como ele escala e mexe mal no time!! Pq escalar Lincoln e Pedro juntos, dois jogadores com características semelhantes? Quanto temos jogadores como Michael, Vitinho e outros meninos da base que são de beiradas??? Tenho a impressão (infelizmente), que com esse "Domec com Torresmo ", não vamos ganhar nada!!!! Tomara que eu esteja enganado...

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Brasileiro

Domingo - 18:15 - Beira Rio - RS -
Internacional
Flamengo

Último jogo - Libertadores

Quarta - 21:30 - Maracanã
Flamengo
3 1
Junior