Série invicta do Flamengo contra o Palmeiras: Vini Jr. sofre carrinho e Gabigol se envolve.

21/4/2024 15:51

Série invicta do Flamengo contra o Palmeiras: Vini Jr. sofre carrinho e Gabigol se envolve.

Rivalidade intensa entre Palmeiras e Flamengo: histórias e polêmicas recheiam os confrontos no Allianz Parque.

Série invicta do Flamengo contra o Palmeiras: Vini Jr. sofre carrinho e Gabigol se envolve.

Protagonistas da maior rivalidade interestadual do futebol brasileiro no momento, Palmeiras e Flamengo têm uma escrita em jogo neste domingo, às 16h, no Allianz Parque: os rubro-negros não perdem em São Paulo para o adversário desde 2017. Deyverson marcou os gols da vitória palmeirense por 2 a 0 em 12 de dezembro do ano em questão. Mais do que as duas vitórias e os quatro empates nos últimos jogos entre os rivais no Allianz Parque, o confronto reúne histórias aos montes. Confira abaixo: 2018: carrinho duro de Felipe Melo em Vini Jr Em temporada na qual brigariam pelo título brasileiro - o Palmeiras acabou campeão -, os times fizeram um duelo cheio de polêmicas no Allianz Parque no dia 13 de junho de 2018, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O lance mais marcante foi uma entrada duríssima de Felipe Melo em Vini Jr, que ainda era conhecido como Vinicius Júnior e fazia seu último jogo com a camisa do Flamengo . O carrinho aconteceu aos 12 minutos da etapa final e, apesar da força imprimida na jogada, o agora tricolor escapou apenas com cartão amarelo - não havia VAR. No fim da partida, nova entrada dura iniciou uma enorme confusão. Quando o tempo regulamentar foi encerrado, o árbitro Bráulio da Silva Machado avisou que iria dar cinco de acréscimo e, aos 45 minutos e 54 segundos da etapa final, o rubro-negro Cuéllar chegou duro em Dudu, que revidou com um empurrão. No bolo formado pelas duas equipes, o goleiro palmeirense Jaílson trocou agressões com Jonas. Os quatro foram expulsos. Os reservas Luan (Palmeiras) e Henrique Dourado, que estavam no banco, ( Flamengo ) também levaram vermelho. O meia Moisés foi para o gol e, após nove minutos de paralisação, a bola voltou a rolar 54 minutos e 43 segundos. O Palmeiras cobrou a falta sofrida por Dudu, conseguiu um escanteio, e Marcos Rocha isolou por cima do gol de Diego Alves após pegar sobra na entrada da área. O goleiro do Flamengo preparou-se para bater o tiro de meta, mas, assim que tocou na bola, Bráulio da Silva encerrou o jogo aos 54 minutos e 51 segundos. Ou seja, ainda havia mais três minutos de acréscimo para o Rubro-Negro tentar atacar a meta defendida pelo meio-campista Moisés, porém o catarinense trilou o apito final antes do que combinara.

Vinícius Júnior é perseguido por Hyoran em Palmeiras 1x1 Flamengo — Foto: Marcos Ribolli
Crédito: Marcos Ribolli

2019: cadeiras atiradas contra Gabigol No ano seguinte, uma semana após sagrar-se bicampeão da Libertadores e do Campeonato Brasileiro em menos de 24 horas, o Flamengo passeou no Allianz Parque mais uma vez. Com menos de um minuto do segundo tempo, Gabigol marcou o terceiro gol rubro-negro e fez sua tradicional comemoração em frente à torcida do Palmeiras. Ele, que já provocara o rival durante a comemoração da vitória sobre o River Plate, foi alvo do vandalismo de membros de uma organizada do Palmeiras. Cadeiras foram atiradas na direção de Gabigol, mas elas não o atingiram e nem a seus companheiros. Felipe Melo tratou de tirá-las do campo. O Flamengo venceu com facilidade o Palmeiras por 3 a 1, e o resultado custou o emprego de Mano Menezes.

Felipe Melo pega cadeiras arremessadas pela torcida — Foto: Marcos Ribolli
Crédito: Marcos Ribolli

2020: Pedro e Arrasca salvam Fla em surto Se não deu show como no ano anterior, o Flamengo deixou o Allianz Parque com gostinho de vitória em 27 de setembro de 2020, quando um surto de Covid-19 atingiu o elenco rubro-negro, inclusive o técnico Domènec Torrent e membros de sua comissão. Até 10 minutos antes de a bola rolar, havia uma determinação para que o jogo fosse adiado. Entretanto tal decisão foi derrubada, e apenas Pedro, Arrascaeta, Thiago Maia e Gerson eram os cascudos de um grupo de 18 jogadores, 14 deles formados na base do clube. Estrelas como Bruno Henrique, Filipe Luís, Everton Ribeiro, Rodrigo Caio, Diego Ribas e Willian Arão haviam testado positivo. Diego Alves e Gabigol, lesionados, aumentaram o número de lesionados.

196 visitas - Fonte: -


VEJA TAMBÉM
- Flamengo descobre informantes em festa que resultou na punição de Gabigol
- Indiferença do elenco e fim de ciclo: Bastidores da punição a Gabigol no Flamengo
- Desconfiança em relação a Gabigol cresce no Flamengo, afastando a possibilidade de sua permanência



Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão

publicidade

Brasileiro

Sb - 21:00 - -
X
Vasco Da Gama
Flamengo

Libertadores

Qua - 21:30 -
4 X 0
Flamengo
Bolívar