17/12/2012 11:14

São Paulo e Rio de Janeiro mantêm hegemonia entre estados brasileiros

Quase todos os títulos da temporada ficaram com clubes dos dois estados, tirando o Goiás, que levantou a taça da Série B do Brasileirão

São Paulo e Rio de Janeiro mantêm hegemonia entre estados brasileiros

O ano de 2012 vai chegando ao fim e o futebol brasileiro faz o seu balanço em relação ao que de melhor aconteceu. Como na temporada passada, Rio de Janeiro e São Paulo tiveram bons motivos para comemorar, pois continuam com a hegemonia nacional.

Pode-se dizer que paulistas e cariocas trocaram de posição quanto aos dois principais títulos do país. O Rio de Janeiro, que em 2011 ganhou a Copa do Brasil com o Vasco, viu o título deste ano ser erguido pelo Palmeiras. Em compensação, a Cidade Maravilhosa ganhou o Brasileirão com o Fluminense, campeão um ano depois do Corinthians ter dado a volta olímpica.

São Paulo, porém, pode se orgulhar um pouco mais por ter mantido o título da Copa Libertadores, já que o Corinthians enfim conquistou o torneio, que no ano anterior foi vencido pelo Santos. Além disso, o São Paulo chegou à final da Copa Sul-Americana.

"Foi um bom ano para o futebol de São Paulo, pois o Corinthians ganhou a Libertadores e agora está no Mundial, algo que o clube sempre sonhou em voltar a conquistar. O Palmeiras, apesar deste fim de ano conturbado, teve o que comemorar com a Copa do Brasil, enquanto o São Paulo briga na Sul-Americana. O balanço em termos de conquistas foi positivo", disse Tite, técnico do Corinthians.

Os outros dois estados de maior força na federação não tiveram tantos bons motivos para sorrir. Em Minas Gerais a alegria ficou por conta da volta do Atlético-MG para a Libertadores. O Cruzeiro decepcionou e foi bem discreto no Campeonato Brasileiro. Os mineiros ainda viram o Ipatinga ser rebaixado na Série B e o Tupi cair para a Série D. Já o Rio Grande do Sul penou com o Internacional, que fracassou na Libertadores e no Campeonato Brasileiro. O Grêmio conseguiu se classificar para o principal torneio continental, salvando os Pampas.


Veja abaixo como se encontram os estados na gangorra do futebol nacional:

RIO DE JANEIRO: Retoma o título do Campeonato Brasileiro com o Fluminense, mas perde a taça da Copa do Brasil para São Paulo. Ficou com apenas uma vaga na Libertadores.

SÃO PAULO: Mantém o título da Libertadores e emplaca o São Paulo na final da Copa Sul-Americana. Retoma o título da Copa do Brasil com a conquista do Palmeiras, mas perde o Brasileiro para o Rio de Janeiro. Além disso, com a queda do Palmeiras, terá menos um time na elite nacional em 2013. Outra vantagem é que terá três representantes da próxima Libertadores. Na Série B, perdeu Guarani e Barueri, rebaixados, mas o Oeste subiu conquistando o título da Série C. O Santo André caiu para a Série D, mas o Mogi Mirim subiu para a C

MINAS GERAIS: O único motivo para comemorar é a volta do Atlético-MG à Libertadores. Porém, viu o Ipatinga ser rebaixado na Série B e o Tupi cair para a Série D

RIO GRANDE DO SUL: O Grêmio volta a disputar a Copa Libertadores, enquanto que o Inter fracassou em quase tudo.

PARANÁ: O Coritiba foi mais uma vez vice-campeão da Copa do Brasil. O estado, porém, pode comemorar o retorno do Atlético-PR para a elite do futebol nacional.

SANTA CATARINA: Se o Figueirense foi rebaixado, pelo menos o Criciúma subiu para a Série A. Avaí e Joinville continuam na Série B, com a companhia também da Chapecoense, promovida da Série C

GOIÁS: Se o Atlético-GO foi rebaixado, pelo menos o Goiás voltou para a elite do futebol nacional e com direito a conquistar o título da Série B do Brasileirão. Outra boa notícia foi a promoção do Crac para a Série C.

BAHIA: O estado fecha o ano em alta, pois o Vitória subiu para a Primeira Divisão, onde vai encontrar o Bahia, que evitou a queda para a Série B. o Ba-Vi não acontece desde 2003 na principal divisão do futebol nacional.

PERNAMBUCO: O estado perde um posto na Série A com a queda do Sport. O Náutico permanece na elite nacional, enquanto que o Santa Cruz não conseguiu subir para a Segunda Divisão.

CEARÁ: Se o Ceará não conseguiu subir para a Série A, pelo menos terá a companhia do Icasa, vice-campeão da Série C. O Guarany decepcionou e caiu para a Série D, enquanto o Fortaleza quase subiu para a B, mas ficou pelo caminho no mata-mata

ALAGOAS: O estado chora a queda do CRB para a Série C. Assim, seu time melhor posicionado é o ASA, que permanece na Série B.

RIO GRANDE DO NORTE: ABC e América permanecem na Série B e o Baraúnas comemora o acesso para a Série C.

MARANHÃO: O estado comemora o título da Série D, conquistado pelo Sampaio Corrêa, que ano que vem disputará a Terceira Divisão do Brasileirão.

PARÁ: O Paysandu comemora a volta para a Série B do Campeonato Brasileiro, tão sonhada pelos seus torcedores.

ACRE: Ano negativo com a queda do Rio Branco para a Série D do Brasileiro.

*Os demais estados não sofreram alterações em relação ao cenário nacional.

5187 visitas - Fonte: IG


Clique aqui para entrar no Grupo do WhatsApp do mengão e receber informações e notícias

LEIA TAMBÉM:Jesus elogia Bruno Henrique e Gabigol, mas destaca necessidade do Fla por um centroavante

LEIA TAMBÉM:CBF anuncia que telespectador poderá assistir mesma imagem do juiz no VAR

VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Flamengo da temporada


Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Libertadores

Quarta - 21:30 - Maracanã - GloboeFoxsports
Flamengo
Internacional

Último jogo - Brasileiro

Sábado - 19:00 - Mané Garrincha
Vasco
1 4
Flamengo