10/12/2018 20:23

Confira os melhores momentos de Gatito Fernández

Confira os melhores momentos de Gatito Fernández

Início
Herdou o apelido de seu pai, Roberto Fernández, conhecido como Gato, que também atuou como goleiro e chegou a jogar no Brasil. Gatito começou sua carreira profissional pelo Cerro Porteño, em 2007. Se tornou campeão paraguaio com o clube em 2009.



Estudiantes
Após a conquista, foi contratado pelo clube argentino Estudiantes.

Racing Club
Em 2010, foi contratado pelo Racing Club.

FC Utrecht
Em agosto de 2011, FC Utrecht anunciou sua contratação por empréstimo de um ano para cobrir uma possível saída do goleiro holandês Michel Vorm.

Retorno ao Cerro Porteño
Em 2012, retornou ao Cerro Porteño.

Vitória
Em 2014, se transferiu para o Vitória. Inicialmente, o goleiro havia sido contratado para ser o reserva imediato ou até disputar vaga com o então titular Wilson. Porém, Gatito pôde disputar algumas partidas como camisa 1 na reta final do Campeonato Brasileiro, após uma lesão de Wilson. Entretanto, o rubro-negro baiano acabou rebaixado para a Série B ao fim da temporada. Em 2015, Júnior Fernández foi um dos responsáveis pelo acesso do Vitória para a Série A, tendo substituído Fernando Miguel no meio da Série B. Sendo assim, considerado um dos melhores goleiros do torneio e idolatrado pela torcida.

E MAIS:Flamengo sonda Gatito, mas Landim quer conversar com Diego Alves
CLIQUE AQUI

Figueirense
No dia 15 de janeiro de 2016, o Figueirense anuncia a contratação do goleiro, após a saída de Alex Muralha para o Flamengo.

No dia 25 de outubro de 2016, Gatito foi convocado para a disputa da 11ª e 12ª rodadas das eliminatórias da América do Sul para a Copa da Rússia. A primeira partida foi contra o Peru no dia 10 de novembro, no Defensores del Chaco. Depois, os paraguaios enfrentaram a Bolívia pela 12ª rodada da competição. No mesmo ano, o time de de Santa Catarina foi rebaixado para a segunda divisão.

Botafogo
No dia 14 de dezembro de 2016, o Botafogo anuncia a contratação do goleiro, depois da saída do goleiro Sidão para o São Paulo. No dia 22 de fevereiro de 2017 nos pênaltis, decisão para vaga da fase de grupos da Libertadores, Gatito pegou 3 pênaltis, um no lado esquerdo, um no meio e outro no lado direito, foi o herói do Botafogo nesse jogo.

Na Copa do Brasil de 2017, dia 26 de abril jogo contra o Sport, Gatito defendeu um pênalti do jogador Diego Souza, mais uma vez sendo o herói do time.No dia 2 de julho de 2017, Gatito pegou o pênalti do jogador Jô no jogo Corinthians x Botafogo, pelo Brasileirão que terminou 1x0. Na Copa do Brasil de 2017, Gatito conquistou o prêmio de melhor goleiro da competição. No fim do mesmo ano, o goleiro paraguaio recebeu o prêmio de melhor jogador estrangeiro do Campeonato Brasileiro.

No dia 8 de abril de 2018, com um gol marcado aos 49 minutos do segundo tempo pelo argentino Joel Carli, o Botafogo acabou derrotando o Vasco da Gama no segundo jogo da final do Campeonato Carioca por 1 a 0, em um Maracanã lotado, levando a decisão para os pênaltis, já que o primeiro jogo havia sido 3 a 2 para o Vasco. Gatito Fernández se destacou defendendo as cobranças de Werley e Henrique, tornando-se um dos heróis da partida e consagrando o Botafogo como campeão carioca de 2018.

Após meses lesionado, Gatito voltou ao time titular do Botafogo, e no jogo da sua volta, contra o Corinthians fez um milagre nos últimos minutos, assim, evitando a derrota do Botafogo, o jogo terminou 1x0 para o Botafogo.









Flamengo, Melhores momentos, Gatito Fernández

1356 visitas - Fonte: -


Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão