29/7/2021 16:43

Rio deve liberar 50 do público em estádios e boates em setembro

Rio deve liberar 50 do público em estádios e boates em setembro

Eduardo Paes prefeito Rio de Janeiro — Foto: Reprodução YouTube

A Prefeitura do Rio anunciou, nesta quinta-feira (29), um plano gradual de flexibilização das medidas de restrição na cidade, em 3 etapas, de 2 de setembro a 15 de novembro. A primeira etapa depende de 77% dos cariocas já terem recebido a primeira dose da vacina contra a Covid e 45%, a segunda dose.



Nesta data aconteceriam a liberação de eventos em ambientes abertos, permissão de público com esquema vacinal completo em estádios (50% da capacidade) e permissão de público com esquema vacinal completo em boates e casas de shows (50% da capacidade).


LEIA TAMBÉM: Willian no Flamengo? Veja qual a possibilidade do atacante retornar ao futebol brasileiro




O lançamento dessa etapa de flexibilização prevê o fechamento de ruas para o trânsito, eventos em pólos gastronômicos, DJs em pontos da orla, iluminações, projeções e apresentações musicais e ponto facultativo no dia 5 de setembro (sexta-feira).

Também estão previstas programações especiais nas cidades das Artes e do Samba, meia entrada em pontos turísticos e apreentação de orquestra na Lapa.

O anúncio é considerado um "plano de voo" das atividades que vão ser liberadas até o fim do ano, conforme o avanço da vacinação.

O prefeito explicou que pretende vacinar adultos com a primeira dose até o dia 18 de agosto. E, assim como projetou um calendário de vacinação, decidiu anunciar um calendário para o carioca "poder ter de novo uma vida normal". O plano foi denominado Rio De Novo.

"Nosso desejo é que o Rio seja a cidade do mundo inteiro que celebre o reencontro da vida com ela mesma."

Pré requisito para redução de restrições:

Cenário epidemiológico favorável
Continuidade da chegada de vacinas
Manutenção da vacinação dos cariocas
Alta cobertura vacinal completa acima de 60 anos





— Foto: Divulgação

A realização do plano anunciado nesta quinta vai depender da concretização do calendário de vacinação, que pretende imunizar todos adultos, com a primeira dose, até agosto.

Na véspera, o prefeito Eduardo Paes (PSD) admitiu que tentou pressionar Brasília, quando divulgou o calendário de vacinação com base na estimativa de entrega das vacinas do governo federal.

"Outro dia me disseram que eu não deveria ter divulgado o calendário sem ter a certeza que o ministério (da Saúde) iria enviar as vacinas. Falei que temos que divulgar o calendário para que, caso atrase, a gente tenha pressão popular e, dessa forma, a vacina chegue logo."

Rio, liberar, público, estádios, boates, setembro

858 visitas - Fonte: globoesporte


VEJA: CBF marca jogos adiados do Flamengo para novembro; Veja!

CONFIRA: Flamengo monta estratégia e monitora situação do lateral Daniel Alves; confira
















Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Brasileiro

Domingo - 20:30 - Maracanã - SporTV
Flamengo
Grêmio

Último jogo - Copa do Brasil

Quarta - 21:30 - Maracanã
Flamengo
2 0
Grêmio