9/4/2020 11:31

Diego diz que expectativas foram superadas e que ainda tem muitas alegrias para viver no Flamengo

Camisa 10 do Rubro-Negro concedeu entrevista à FLA TV, nesta quarta-feira, e também falou sobre relação com Jorge Jesus, lançamento para Gabigol e ansiedade na quarentena

Diego diz que expectativas foram superadas e que ainda tem muitas alegrias para viver no Flamengo

Desde meados de 2016 no Flamengo, Diego Ribas passou por altos e baixos e já foi de vilão a herói vestindo a camisa do clube. O fato é que, hoje, o camisa 10, enquanto cumpre quarentena, por conta da pandemia do novo coronavírus, entrou para a história sobretudo pela sua trajetória na Libertadores de 2019.



Em entrevista à FLA TV, nesta quarta-feira, Diego admitiu que as taças levantadas, com consideráveis pitadas de superação (por causa de fraturas na perna, recuperadas antes do previsto), o fizeram superar as expectativas que tinha quando deixou o Fenerbahçe-TUR para atuar no Rubro-Negro.

- Eu sonhava com um grande título pelo Flamengo, mas a verdade é que superou as minhas expectativas. Para chegar onde chegamos hoje, em todas as áreas, foi um período de muito investimento, não só econômico, mas físico e de determinação para alcançarmos os nossos objetivos. O que me faz sonhar é ter metas, objetivos, e tenho certeza que ainda temos muitas alegrias para vivermos juntos aqui no Flamengo - falou, explicando o que o fez ir para o Fla:

- Desde que joguei contra o Flamengo, nas categorias de base e profissional, onde pude sentir mais o clima da torcida, nasceu a vontade de jogar e vestir essa camisa. Com o tempo, isso só foi aumentando. Eu ia conversando com jogadores que já tinha jogado por lá àquela altura, como o Juan e o Júlio César, e passou a aumentar o meu desejo. Realizei esse sonho. Da maneira como está sendo é uma fase mais do que especial na minha carreira, ganhando títulos. É um grande prazer vestir essa camisa.

CONTROLANDO A ANSIEDADE

Aos 35 anos, Diego tem vínculo com o Flamengo somente até dezembro, mas não entrou na questão contratual - se já está em conversas por renovação ou não. E, sobre este cenário atípico, o meia analisou o "período delicado":

- Realmente está sendo um período delicado. Nós, jogadores, estamos procurando seguir todas as recomendações, como ficar em casa, e é uma mensagem que estamos querendo passar, até para contribuir de alguma forma. A expectativa é muito grande de poder retornar, é o que amamos, além de ter novamente o contato com vocês, torcedores, pois nos motiva a cada dia a sermos melhores. Não conseguimos precisar quando será esse dia, mas, neste momento, vamos controlando a ansiedade e a vontade. Estamos fazendo um trabalho físico com respaldo muito bom dos responsáveis do clube para voltar da melhor maneira. Creio que esse momento logo chegará e estaremos todos prontos.

'Hoje é o clube que mais tempo eu fiquei, como profissional, e eu espero ainda ficar um bom tempo por aqui'


Confira outros trechos da entrevista:

RELAÇÃO COM JORGE JESUS

- Aprendi bastante com ele (Jorge Jesus), continuo aprendendo. A minha relação com ele é muito franca. Ele é bem comunicativo e apaixonado pelo que faz, e eu me identifico com essas características. Todos nós que convivemos com ele estamos aprendendo e evoluindo. Nada melhor que trabalhar com um profissional e ser humano como ele, que pode te ajudar constantemente.

TAÇAS LEVANTADAS PELOS CAPITÃES

- O grupo é muito unido e demonstra isso com atitudes frequentemente. Foi uma decisão em conjunto para que sentíssemos juntos essa emoção, mas importante é ganhar os títulos. Todos ganham no final.

LANÇAMENTO PARA GABIGOL

- Difícil explicar com palavras. Um dos momentos mais marcantes da minha vida (final da Libertadores, contra o River Plate). O passe eu tinha expectativa, sim, de ser um lance perigoso. O Bruno Henrique havia dado espaço para o Gabigol, que tinha acabado de fazer um gol. Vi o movimento e o espaço onde a bola poderia cair, um lugar perigoso, dentro da área, e ele (Gabriel Barbosa) foi muito feliz e conseguiu colocar aquela bola para dentro. Eu sonhei tanto com aquele momento durante a minha recuperação, visualizei muito e acreditei que isso poderia acontecer, aquela virada, aquele gol, e veio a explosão de alegria. Objetivo alcançado, lembraremos para sempre... Todos queremos ganhar de forma mais tranquila, mas quando acontece com a emoção que foi, fica mais marcante. Eu chorava, ria, gritava, abraçava meus companheiros, beijava... Era uma alegria que até hoje nos emociona quando vemos os melhores momentos. É para guardar para sempre.

RECEPÇÃO NA CHEGADA AO FLA

- A minha chegada no aeroporto já diz tudo. Sabia da responsabilidade que estava assumindo. Prazer, orgulho e responsabilidade muito grande vestir essa camisa. Está no pacote. Senti que estava preparado para assumir essa responsabilidade quando dei o "sim", e me senti aliviado. Aquela recepção deixou tudo mais prazeroso. Teve a minha estreia com gol, logo depois o Maracanã lotado gritando meu nome. Comentava com a minha esposa: quando eu vi a minha primeira foto com a camisa do Flamengo, as cores me pareciam familiares. Tudo se encaixou e a sensação foi ficando cada vez mais clara de que estou no lugar certo. Tanto que hoje é o clube que mais tempo eu fiquei, como profissional, e eu espero ainda ficar um bom tempo por aqui.





Flamengo, Diego, camisa 10

942 visitas - Fonte: Lance!


VEJA: Gabigol treina na praia e se aproxima de retorno no Flamengo

CONFIRA: Athletico-PR e Flamengo fazem duelo de estreia na Copa do Brasil



Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Tem muito futebol para oferecer ao Flamengo, deve renovar seu contrato. Joga muito.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Copa do Brasil

Quarta - 21:30 - Arena da Baixada - Globo,Premiere,Sportv
Athletico PR
Flamengo

Último jogo - Brasileiro

Domingo - 18:15 - Beira Rio - RS
Internacional
2 2
Flamengo