2/7/2022 09:09

Neymar no Brasil? Salário é até 3 vezes maior que folhas do país; compare

Neymar no Brasil? Salário é até 3 vezes maior que folhas do país; compare

Neymar exibe nova camisa do PSG para a temporada de 2022/23
Imagem: Reprodução


O atacante brasileiro Neymar estaria fora dos planos do PSG para a próxima temporada, segundo o jornal El País, da Espanha. Com contrato até 2025, o craque da Seleção Brasileira já teria até mesmo sido informado da decisão do clube. A possível saída animou os torcedores brasileiros, que começaram algumas especulações nas redes sociais. Mas será que é possível repatriar o craque?



O primeiro, e possivelmente maior, entrave para que Neymar volte aos gramados brasileiros é o salário. Um dos jogadores mais bem pagos do mundo, o ainda camisa 10 do PSG ganha por mês mais do que toda a folha salarial de Flamengo, Palmeiras e Atlético-MG, as três folhas salariais mais caras do futebol brasileiro no momento.

Sonho do Santos, o craque recebe hoje mais do que o dobro da folha mensal do clube. Segundo o jornal El País, o craque brasileiro ganha 40 milhões de euros (R$ 216,4 milhões, na cotação atual) por ano, ou seja, pouco mais de R$ 18 milhões por mês.

Flamengo
Contando com jogadores como Gabigol, Arrascaeta e David Luiz no elenco, o Flamengo divulgou balanço em 2021 que aponta que a folha salarial custa R$ 199,1 milhões por ano, algo em torno de R$ 16,6 milhões por mês. Ou seja, sozinho, Neymar recebe por ano cerca de R$ 17 milhões a mais que todo o elenco flamenguista.

Para comparação, Gabigol, um dos maiores ídolos recentes do Flamengo, recebe atualmente em torno de R$ 1,5 milhão por mês, valor bem distante dos R$ 18 milhões mensais do craque do PSG.

Palmeiras
A diferença é ainda maior para o atual bicampeão da Libertadores. O Palmeiras não divulga oficialmente os custos de sua folha salarial, mas reportagem de O Globo aponta um gasto de R$ 15 milhões por mês, ou seja, R$ 180 milhões por ano.

Assim, se quisesse contar com o craque da seleção ao lado de Raphael Veiga, Dudu, Gustavo Gómez e Weverton, o Palmeiras teria que dobrar sua folha salarial e ainda acrescentar mais R$ 3 milhões por mês.

Atlético-MG
O Atlético-MG é outro time badalado e com um grande elenco, mas que paga para todo seus jogadores menos do que Neymar recebe por mês. Contando com estrelas como Hulk, Nacho Fernandes, Zaracho e Guilherme Arana, o time mineiro é o atual campeão brasileiro da Copa do Brasil.

Reportagem do UOL no início de 2022 aponta que a Folha do time é de R$ 13 milhões — antes da chegada de Jemerson, Alan Kardec e Pavón - Pedrinho também está próximo de ser anunciado. Ou seja, Neymar recebe mensalmente R$ 5 milhões a mais do que todos os jogadores do Galo juntos.

Corinthians
Se os times brasileiros mais vencedores e com maior investimento no futebol nos últimos anos não se aproximam do salário mensal de Neymar, outros grandes também não conseguem. O Corinthians, atual vice-líder do Campeonato Brasileiro, vem contratando algumas estrelas e ex-jogadores da Seleção Brasileira como Paulinho, Renato Augusto e William.

Mas nem com essas peças e outros jogadores badalados no elenco como Fagner e Cássio a folha salarial do clube paulista bate os valores de Neymar. Em entrevista recente, o presidente do clube, Duílio Monteiro Alves, afirmou que a folha do time hoje gira em torno de R$ 15 milhões mensais.

Isso significa que, assim como o rival Palmeiras, o Corinthians precisaria mais do que dobrar o valor para contar com o craque do PSG ao lado de suas estrelas.

Santos
Revelado e multicampeão pelo Santos, Neymar é um dos maiores ídolos da história do clube e um retorno do craque vive no imaginário do torcedor santista. Contudo, os números mostram que, financeiramente, essa seria uma transação extremamente difícil.

O balanço financeiro de 2021, aprovado pelo conselho do Santos em abril deste ano, aponta que o custo total dos jogadores do elenco profissional, com direito de imagens e encargos, foi de R$ 86 milhões em 2021. Ou seja, a folha salarial santista girava, até o ano passado, em torno de R$ 7,1 milhões por mês - isso antes de contratações como Maicon, Ricardo Goulart e Bryan Angulo.

Se pensarmos apenas no salário mensal de Neymar, o craque ganha, sozinho, 2,5 vezes mais do que todo o elenco do Santos recebia no ano passado. O coração pode até pesar, mas, financeiramente, parece uma operação praticamente inviável.

Como fazer para contratar?
Pensando na diferença salarial exorbitante entre Neymar e qualquer jogador que atua hoje no Brasil, fica muito difícil imaginar a volta do craque. Mas já tivemos alguns outros craques voltando — em momentos diferentes da carreira — para o Brasil.

Um caso de certa forma parecido foi o de Robinho. Em 2010, pouco antes da Copa do Mundo, Robinho, um dos pilares da Seleção Brasileira naquele momento, retornou ao Santos para jogar mais regularmente, já que não vivia fase tão boa no Manchester City.

Para acertar o retorno, Robinho abriu mão de dinheiro, mas ainda assim ganhava bem acima do teto salarial do clube na época. O jogador aceitou receber R$ 1 milhão por mês no time, valor que, segundo a diretoria do Santos, seria pago por "entre duas e 5 empresas".

Essa opção, inclusive, é utilizada até hoje pelos clubes. Ao anunciar o retorno de Paulinho, com salário superior a R$ 1 milhão por mês, o Corinthians afirmou que estava acordada uma parceria com o Grupo Taunsa, do ramo de agronegócios. O clube, contudo, tenta receber até hoje os valores acertados com a empresa.

Com Ronaldo, a operação foi diferente. Anunciado em 2008 e aos 32 anos, o jogador veio do Milan para o Corinthians para receber um salário líquido de R$ 400 mil mensais, valor que, na época, estava bem acima do teto do clube. Mas isso ainda era pouco comparado aos ganhos do craque na Europa.

O Corinthians acertou que Ronaldo receberia mais R$ 9 milhões em um acordo que envolvia o repasse de parte do valor pago por patrocinadores.

O projeto do São Paulo com Daniel Alves foi semelhante, mas acabou não dando muito certo. Inicialmente, o time do Morumbi divulgou que a ideia era fazer parcerias e contar com o aumento de visibilidade que o jogador traria para arcar com os custos do contrato. O patrocínio, contudo, não decolou.

Ao sair do São Paulo em setembro de 2021, Daniel Alves tinha um total de R$ 18 milhões para receber. Clube e jogador fizeram um acordo e o lateral seguirá recebendo R$ 400 mil por mês do São Paulo durante cinco anos.



Em todos esses casos, os valores não chegam nem perto do que Neymar recebe mensalmente. Além disso, o UOL conversou com fontes ligadas ao estafe do jogador que desmentiram a informação de que ele não fazia mais parte dos planos do PSG.

Mas, enquanto o futuro do jogador ainda não é definido, não custa nada ao torcedor sonhar com o possível retorno do craque.

Neymar, Brasil, Salário, folhas, país

747 visitas - Fonte: Uol


VEJA TAMBÉM
- Jorge Jesus, Lazio e Catar tentam tirar titular do Flamengo de Dorival Júnior; jogador se posiciona nos bastidores
- STJD absolve Fla por invasão e ônibus apedrejado em jogo contra Atlético-MG
- Flamengo ainda pode negociar atacante com clube europeu

VEJA: Negociação por Walace trava, e Flamengo aguarda reviravolta improvável até fim da janela

CONFIRA: Time chinês se despede de Oscar, e jogador fica próximo de acerto com Flamengo















Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias do Mengão

Brasileiro

Dom - 16:00 - -
X
Flamengo
Atletico Paranaense

Libertadores

Ter - 21:30 - do Maracanã
1 X 0
Flamengo
Corinthians